Rede de Relacionamentos

Longe do vício de um comportamento paternalista e das disputas insanas, que nada agregam e que impedem o crescimento pleno de uma nação democrática, a Associação Nacional representa o povo, sua parcela composta por Cientistas e Pesquisadores, estudantes, e  consciente da sua necessidade de participar e construir o Brasil. Deste esforço de base, organizado e ordeiro, se estabelece o saudável controle do povo sobre o estado (democracia), ao contrário de um estado camufladamente democrático, controlando e oprimindo o povo e sua liberdade para se organizar.

A proposta da HESTIA é valorizar e integrar os Cientistas e Pesquisadores brasileiros, através de uma administração e gestão dos próprios profissionais de pesquisa organizados, sem atravessadores, vinculada as questões coletivas e individuais, para o bem estar dos profissionais, das suas famílias, suas instituições e, por consequência, do estado brasileiro e seus órgãos governamentais de apoio.

De forma inovadora, um sistema de gestão através de um modelo exclusivo, especialmente desenvolvido pela Associação Nacional, valoriza o Cientista e o Pesquisador e os contextualizam como vetores sociais importantes na matriz de resultados tangíveis e intangíveis da nossa nação. Um dos pontos fortes, sem diminuir nenhum outro constante no nosso método e programas, é estabelecer uma rede de relacionamentos em Ciência, Tecnologia e Inovação, com o compromisso com a qualidade de vida do cidadão e o respeito ao meio-ambiente, que viabilize ao Pesquisador e a sua pesquisa UM CAMINHO EXPRESSO para a Indústria e para o Poder Público Municipal e, por sua vez, proporcione a Indústria e aos Municípios uma rede de investigação que pense, proponha e desenvolva suas necessidades futuras de inovação e crescimento, a um custo vinculado ao sucesso dos desenvolvimentos e seus produtos (royalties).

Em outras palavras, se por um lado o Cientista ou Pesquisador isolado, normalmente, não consegue gerar e disponibilizar inovações maduras para o mercado e para a sociedade, por outro os setores que desejam estas pesquisas e inovações, em especial as indústrias, mantém suas portas fechadas pelos altos custos do desenvolvimento científico. Compreendido isso, a Associação Nacional Hestia é, portanto, também uma mediadora para a formação de “Grupos de Pesquisa e Desenvolvimento Multinstitucionais” (Editais Hestia), imparcial, a favor do direito de todos, atendendo assim os segmentos sociais que necessitam de soluções, de inovações.

Nós, Cientistas e Pesquisadores, sabemos que a relação entre profissionais no Brasil tem como base principalmente a amizade. Os aspectos estratégicos das pesquisas e sua organização focando a economia brasileira, perdem em muito com este vício comportamental histórico. Entretanto, não existem mecanismos de curto prazo que permitam mudanças culturais tão enraizadas. Assim, a HESTIA propõe promover a integração entre os profissionais de CT&Inovação associados, dentro dos seguintes princípios:

  • Definindo linhas de ações em temas de interesse econômico nacional;
  • Estabelecendo ligações de cooperação técnica considerando: “afinidade profissional e pessoal dos Pesquisadores”;
  • Estimulando os registros de patentes e a distribuição dos resultados financeiros destas aos Cientistas e Pesquisadores, com participação para suas instituições e principais órgãos públicos de fomento do conhecimento ou CT&Inovação.