PTEU – Programa de Potencialização da Transferência Universitária de Conhecimentos para Sociedade e Indústrias


O programa, inicialmente, é um protocolo de intenções estabelecido entre a Hestia e as Universidades ou Instituições de Pesquisas, que tem por meta avalizar em um nível superior, a adesão dos profissionais e laboratórios ao método e as ferramentas oferecidas pela Associação Nacional, como suporte e sem nenhuma perda de suas autonomias.

 

Tudo fica mais fácil com o planejamento e a integração oferecidos pela Hestia, mas o Método Hestia não se resume a isso. O nosso sistema possibilita o profissional atuar na sua área de excelência, com muito mais assertividade técnica e social. O reconhecimento dos Cientistas e Pesquisadores, e de suas instituições, fazem parte dos resultados da Hestia.

 

Assim, a Associação Nacional foi criada para preencher uma lacuna na matriz nacional de ciência, tecnologia e inovação. Objetivamente, a Hestia esta focada em congregar e valorizar os profissionais brasileiros de ciência, tecnologia e inovação, e este foco não poderia estar longe da parceria com suas instituições.

 

Para entendermos melhor o quanto é positivo esta parceria, as instituições de Ensino e Pesquisa possuem excelentes profissionais em suas estruturas, a grande maioria tendo uma boa ideia do que pesquisar, mas eles têm uma bussola, um mapa e os suprimentos mínimos para chegar ao ponto de encontro de todos os conhecimentos, para gerar realidade? Todos neste momento pensam que uma boa ideia e muito dinheiro levariam até lá. Mas isso não é verdade! O que faz uma pesquisa evoluir é um método específico e eficiente para a cultura do país, ferramentas especialmente desenvolvidas para dar suporte às pesquisas e tranquilidade para aqueles que pensam, e uma matriz conectando a investigação ao seu propósito, tanto dentro do tangível, quanto do intangível. Por estudo e entendimento destas necessidades, a Associação Nacional Hestia foi criada e se apresenta como a entidade promotora destes fins, desenvolvendo soluções e dando suporte especializado para Cientistas, Pesquisadores, Consultores, e suas instituições no Brasil.

 

Resta destacar que o PTEU pode ser implementado em uma instituição, através de uma das duas vias: (a) um Professor Cientista ou Pesquisador, associado a Associação Nacional, solicitar as orientações e a documentação para a assinatura do Convênio ou Acordo de Cooperação Hestia-Instituição (guarda-chuvas), seguido do termo aditivo específico para implementação do programa; (b) O Núcleo de Inovação da instituição, com anuência do Reitor e através de uma declaração de interesse, solicitar a apresentação do PTEU para análise, com Accessorium sequitur principale da solicitação dos modelos dos contratos de Convênio e Termo Aditivo.  

 

Como contratar?

Chame um de nossos representantes para uma visita e apresentação detalhada dos nossos serviços.

Para maiores informações, entre contato por san@hestia.org.br

 

O método, as ferramentas e os textos da Associação Nacional Hestia, possuem direitos autorais registrados, e são de uso exclusivo da instituição, e de seus parceiros autorizados.